Tag Archives: Ernest Renan

IEH | Leituras de 10 a 17/10 (Atualizado com texto de István Jancsó e Paulo Pimenta)

10/10 Ernest Renan, “O que é uma nação”. (Documento para análise)

12/10 Feriado

17/12 István Jancsó e João Paulo G. Pimenta, “Peças de um mosaico (ou apontamentos para o estudo da emergência da identidade nacional brasileira)”, in Carlos Guilherme Mota (org.) Viagem incompleta. A experiência brasileira (1500­-2000), Ed. Senac, São Paulo, 2000, pp. 127-­171. e *von Martius, Karl Friedrich. “Como se escreve deve escrever a história do Brasil”. (Documento para análise)

A PROVA ESTARÁ NO BLOG ÀS 17:00HS DO DIA 17/10 E DEVERÁ SER ENTREGUE ATÉ O DIA 19/10 (QUARTA-FEIRA) DAS 14:00HS ÀS 15:30HS, NA SALA DE AULA.

OBS: PROVAS FORA DO PRAZO OU ENVIADAS POR EMAIL OU QUALQUER OUTRO MEIO NÃO SERÃO ACEITAS.

IEH | Leituras da semana (05 a 07/09)

Olá pessoal,

Esses são os textos da próxima semana:

05/10 Ernest Renan, “O que é uma nação”.

07/10 István Jancsó e João Paulo G. Pimenta, “Peças de um mosaico (ou apontamentos para o estudo da emergência da identidade nacional brasileira)”, in Carlos Guilherme Mota (org.) Viagem incompleta. A experiência brasileira (1500­-2000), Ed. Senac, São Paulo, 2000, pp. 127-­171.

Aproveito para disponibilizar uma entrevista com a historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, que recentemente lançou um livro de história geral do Brasil, que toca em alguns dos pontos que abordaremos na quarta feira.

IEH | Atividade

Gente,

Diante das dúvidas, estou colocando aqui os textos referentes a atividade solicitada desde quinta feira passada e que deve ser entregue impreterivelmente até amanha.

A questão solicitada é comparar as visões de Ernest Renan e von Martius referentes a importância da raça na formação da nação ou da nacionalidade. Eu gostaria de uma breve explanação sobre como cada um desses autores pensa essa questão, com destaque para diferenças ou semelhanças.

• Ernest Renan, “O que é uma nação”. (Documento para análise).

• *von Martius, Karl Friedrich. “Como se escreve deve escrever a história do Brasil”. (Documento para análise) 

Abaixo, estou disponibilizando o link da entrevista com a historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, que vimos ontem em sala.