Monthly Archives: November 2015

Metodologia da História | Trabalho Final

Olá pessoal,

A entrega do trabalho final deverá ser feita até o dia 07/12 (segunda-feira).

Ele deverá ser deixado no meu escaninho, no Departamento de História, até as 18:00hs.

Não serão aceitos trabalhos atrasados nem enviados por e-mail.

Abaixo está a sugestão de estrutura e o modelo da capa que havia publicado em outro post:

NÃO ESQUEÇAM DE DAR UM TÍTULO AO PROJETO E COLOCAR NOME E MATRÍCULA!!!

Estou sugerindo abaixo um modelo de projeto que pode ser útil. CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O MODELO DE CAPA.

1. Introdução (É a última parte a ser escrita; faça uma síntese da sua proposta, tentando apresentar o problema, destacar a relevância da pesquisa em relação à historiografia atual. Lembre que um projeto de pesquisa é uma proposta de trabalho que você apresenta a uma instituição com o intuito de convencê-la a investir tempo e recursos no seu desenvolvimento intelectual e profissional.).

2. Delimitação Temática (Descreva o seu tema e o objeto específico que você irá investigar. Tente contextualizar o seu objeto, as suas preocupações, o seu recorte espacial, temporal e/ou outros e torná-lo o mais claro e preciso possível.)

3. Revisão bibliográfica (Faça a mais profunda revisão da bibliografia possível, a partir de um levantamento bibliográfico prévio. Tente destacar como o seu objeto tem sido investigado, os avanços da bibliografia sobre o tema, quais são as lacunas, os problemas etc. A revisão bibliográfica é uma espécie de resenha crítica sobre a bibliografia já publicada sobre o tema que você investiga.)

4. Justificativa (Tente explicar por que o seu projeto merece ser levando adiante. Que contribuições você acredita que seu trabalho pode trazer à bibliografia, a disciplina e mesmo a instituição na qual você pretende desenvolvê-lo.)

5. Fontes e metodologia (Descreva as fontes que vai utilizar e a partir de que tipo de abordagem pretende analisá-las. Aproveite também para fazer alguma consideração sobre a relação entre sua abordagem teórica e sua metodologia.)

6. Bibliografia (Faça um levantamento preciso e profundo tanto das obras que tratam do tema que vai investigar, assim como suas obras de referencia teórica e metodológica).

IEH | 2a. Prova

Pessoal,

Clique aqui para baixar a prova.

As instruções são simples:

  • Escolha 1 (uma) questão e responda.
  • Mínimo de 1 (uma), máximo de 2 (duas) laudas. Times New Roman 12, espaço 1.5.
  • As provas devem ser entregues até o dia 07 de dezembro de 2015 (segunda-feira), das 14:00 às 15:00 hs, em sala de aula.
  • Não serão aceitas as provas entregues fora do prazo ou enviadas por e-mail.
  • Não esqueça de colocar o nome e a matrícula. Não é necessário o uso de capa.

Fotógrafos dos extremos

Olá pessoal,

Coloco aqui o vídeo da TED Talk de três fotógrafos acostumados a lidar com fenômenos extremos. O primeiro vídeo é de James Nachtwey, sobre quem já comentamos em sala. Ele explica um pouco do seu trabalho e de suas concepções de fotografia. O segundo vídeo é de Edward Burtynsky, fotógrafo canadanse que trabalha com o tema da degradação ambiental produzida pela sociedade industrial. O terceiro vídeo é Sebastião Salgado, fotógrafo brasileiro, um dos mais importantes fotógrafos vivos.

Metodologia da História | Sugestão de modelo de projeto

Pessoal,

Estou sugerindo abaixo um modelo de projeto que pode ser útil. CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O MODELO DE CAPA.

1. Introdução (É a última parte a ser escrita; faça uma síntese da sua proposta, tentando apresentar o problema, destacar a relevância da pesquisa em relação à historiografia atual. Lembre que um projeto de pesquisa é uma proposta de trabalho que você apresenta a uma instituição com o intuito de convencê-la a investir tempo e recursos no seu desenvolvimento intelectual e profissional.).

2. Delimitação Temática (Descreva o seu tema e o objeto específico que você irá investigar. Tente contextualizar o seu objeto, as suas preocupações, o seu recorte espacial, temporal e/ou outros e torná-lo o mais claro e preciso possível.)

3. Revisão bibliográfica (Faça a mais profunda revisão da bibliografia possível, a partir de um levantamento bibliográfico prévio. Tente destacar como o seu objeto tem sido investigado, os avanços da bibliografia sobre o tema, quais são as lacunas, os problemas etc. A revisão bibliográfica é uma espécie de resenha crítica sobre a bibliografia já publicada sobre o tema que você investiga.)

4. Justificativa (Tente explicar por que o seu projeto merece ser levando adiante. Que contribuições você acredita que seu trabalho pode trazer à bibliografia, a disciplina e mesmo a instituição na qual você pretende desenvolvê-lo.)

5. Fontes e metodologia (Descreva as fontes que vai utilizar e a partir de que tipo de abordagem pretende analisá-las. Aproveite também para fazer alguma consideração sobre a relação entre sua abordagem teórica e sua metodologia.)

6. Bibliografia (Faça um levantamento preciso e profundo tanto das obras que tratam do tema que vai investigar, assim como suas obras de referencia teórica e metodológica).

Fotografia e violência

Olá gente,

Como vamos discutir um pouco de fotografia na próxima semana, estou sugerindo três filmes interessantes que podem auxiliar os interessados a problematizar a relação entre fotografia e violência.

Foi uma discussão que veio a tona na turma de IEH, na qual leremos um texto da Susan Sontag, romancista e ensaísta norte-americana, sobre o tema.

Dois dos filmes encontram-se no Popocorn Time. Como disse também, o Popcorn baixado do site www.popcorn-time.se continua ativo por enquanto. Lá você pode encontrar “A thousand times good night” (2013, 111 min.) e “The bang bang club” (2010, 106 min.). Não verifiquei se as legendas em português funcionam. O terceiro filme é “War photographer” (2001, 96 min.), um documentário. Recomendo os três, mas se pode ver apenas um,  sugiro o último.

O filme “A thousand times good night” retrata a vida de uma fotojornalista que sobrevive a um atentado. A trama gira em torno dos dilemas que ela vive diante das demandas da família, de seu papel de mãe e diante das exigências e riscos do seu trabalho. É um filme interessante para pensarmos sobre as motivações que fazem com que fotógrafos se arrisquem em zonas de conflito.

Captura de tela 2015-11-20 14.41.57

O segundo filme, “The bang bang club”, trata da trajetória de um grupo de fotógrafos da África do Sul que ficou internacionalmente conhecido por sua cobertura dos úlitmos dias do Apartheid. Dentre os fotógrafos que fazem parte do grupo está Kevin Carter, autor da célebre foto da criança e do abutre. O filme também retrata de maneira relativamente justa as condições de seu suicídio.

Captura de tela 2015-11-20 14.42.22

O terceiro filme, “War photographer”(2001, 96 min.), é um documentário sobre a carreira de James Natchwey, o maior fotógrafo de guerra dos anos de 1990 em diante. É um documentário bastante importante, indicado ao Oscar em 2002, que trata com profundidade a questão da fotografia de guerra e a relação entre fotografia e violência. O documentário encontra-se disponível no Youtube.

IEH | Leituras da semana (23 a 25/11)

Olá pessoal,

Eis as leituras da semana. Há uma mudança no dia 25/11 por conta das nossas discussões em sala.

23/11 Robert A Rosenstone. “Documentário”, in A história nos filmes, os filmes na história, Ed. Paz e Terra, São Paulo, 2010. pp.109­-134.

25/11 Susan Sontag, “Parte 5”. Diante da dor dos outros, Cia das Letras, São Paulo, 2003, pp. 64-86. Na versão em pdf, o trecho encontra-se entre as páginas 32 a 39.

Metodologia da História | Notas e Faltas

Olá pessoal,

Abaixo estão as notas e as faltas até o momento. Temos alguns problemas em relação às faltas que será preciso encontrar uma solução – ou não. Peço aos interessados que apareçam na segunda-feira para conversamos.

As notas marcadas com X referem-se aquelas pessoas que não entregaram os trabalhos.

Caso haja alguma inconsistência na tabela abaixo, não se apavore. Conversamos na segunda-feira e faremos as retificações necessárias.

Aqueles que entregaram o trabalho, mas ainda não conversaram comigo, peço também que me procurem no início da aula na segunda-feira sem falta.

Metodologia da História 2-2015 - Sheet1 (1).jpg